27 de mai de 2012

Fez-se Noite


Fez-se noite no movimento
e a madrugada tarda
em deixar o sol nascer
Parada, sem encontro de caminhos
deixo a Estrada, pego atalho
retorno à Vila, à lida de infância
Busco no aconchego materno
e até nos castigos incompreensíveis
o chão onde os pés possam pisar
Fez-se noite no movimento
e o sol espera
para nascer mais tarde
quando a paz chegar
Bilá Bernardes

Nenhum comentário: